Letra da Música

Ressoou
Ao longe o tambor, dos meus ancestrais
A águia sobrevoa oceanos
Buscando na história, Seus anais
Nkisi Samba Kalunga
Mam'etu! Angola!
Kaiaia
A dama do mar
E o povo Bantu no seu reino a festejar
E o negro chorou... Ôô
E nunca perdeu a fé
Depois da resistência dos Tumbeiros
Chegando nos Quilombos Brasileiros
Tem congada sim... e o lua abençoou
Kizomba para o Imperador

Pai Felipe ensinou, batucar
Uludun, Umbigada, abre a roda iaiá
E no gingado é pernada a noite inteira
O samba foi saudar a padroeira

Arrasta sandália, Baiana faceira
Balança do jeito que o mestre ensinou
"Nêgo" Dráuzio é o orgulho da nossa bandeira
Madureira... Vem Mangueira!
Eu sou raiz Africana
No peito a chama... Um gesto de amor
Entoado em verso e prosa
Meu Dna é Verde e Rosa
Nesse balanço, a águia Majestosa retornou
União Imperial... Aonde Você For Eu Vou!

ÔÔ, sou da pele preta
O meu batuque tem Axé
Hoje o canto que emana
O som que arrepia
Vem do Quilombo Marapé!