Letra da Música

Não gosto quando finge
Finge Não me amar
Não gosto quando me ignora
O que há de errado com você (me diz o que há)

Diz o que tem dentro de você
É uma criança fazendo brincadeira
Ela escondeu seus sentimentos
Ou você sabe onde está 
E não quer libertar?

Você é mesmo assim
Você é tão previsível
O que há, porque você é tão (Previsível)
Tem medo do que
Você é tão previsível
Não sei o que tem com você
Previsível de mais

Não gosto quando baixa a cabeça
E sai sem me dizer nada (não não)
Eu não gosto (não)
Não gosto quando te ligo
E tenho que ficar deixando
Recados na caixa postal
Você não me entende (não não)
Não gosto (não)

O que há com você?
Tem medo de seus sentimentos
Não entendo (não não)
Não te entendo (não)

Você é mesmo assim
Você é tão previsível
O que há, porque você é tão (previsível)
Tem medo do que
Você é tão previsível
Não sei o que tem com você
Previsível de mais

Deixe de ser assim
Não esconda seus sentimentos de mim
Você sabe que todas as vezes que te procurei
Você sempre me ignorou
Porque você faz isso
Agora eu desisto
Cansei de ser boba
Saiba que eu
Não gosto quando faz isso comigo (não não)
Eu não gosto (não)
Eu não vou mais te procurar
Mas se sentir falta de mim
Procure-me
Pois te receberei de braços abertos
Mas se fazer isto novamente
Pode esquecer
Você nunca mais vai me ver
Nunca..............

Você é mesmo assim
Você é tão previsível
O que há porque você é tão (previsível)
Tem medo do que você é tão previsível
Não sei o que tem co você
Previsível de mais

Previsível pra mim
Demais
Pra mim...

Você é mesmo assim 
Você é tão previsível
O que há, porque você é tão (previsível)
Tem medo do que
Você é tão previsível
Não sei o que tem com você
Previsível de mais

Previsível de mais
Previsível de mais
Pra mim...